Mulher de cabelo cacheado se olhando no espelho

Os fios cacheados são naturalmente um pouco mais sensíveis e frágeis do que os outros e, por isso, aderir a um tratamento para cabelos cacheados é fundamental. Na verdade, um não, mas alguns tratamentos!
Existem vários procedimentos focados em devolver o brilho, maciez e a saúde dos cachos e nós vamos conhecer cinco deles a seguir.

Hidratação para cabelo cacheado

A hidratação é um dos tratamentos do cronograma capilar que devolve aos fios toda a umidade necessária à saúde do cabelo.
Como os fios tipo 3 e 4 costumam sofrer com ressecamento, principalmente nas pontas, a hidratação é um tratamento para cabelos cacheados fundamental. Isso porque o seu objetivo é devolver água, nutrientes e vitaminas que perdemos no dia a dia e que contribuem para fios ressecados e quebradiços.

Dicas para uma hidratação bem feita

  1. Respeite sempre o tempo indicado na embalagem da sua máscara de hidratação. Ficar mais ou menos tempo prejudica o resultado.
  2. Faça hidratações periodicamente! Uma ou duas vezes na semana costuma ser o ideal para cabelos mais saudáveis e bonitos.

Nutrição para cabelo cacheado

A nutrição também é uma etapa do cronograma capilar e seu papel é repor lipídios, ou seja, gordura. Seus principais ativos são manteigas e óleos vegetais, como o óleo de rícino, de coco, de argan e o azeite de oliva.

Como fazer nutrição capilar

Os ativos devem estar presentes na composição das máscaras de tratamento que você for comprar. Uma outra opção é adicionar o seu óleo vegetal de preferência na máscara de hidratação ou aplicá-lo puro mesmo nos cabelos, realizando uma umectação capilar.

Dicas para nutrição capilar

O couro cabeludo produz oleosidade para que os cabelos sejam brilhantes, flexíveis e resistentes, mas nem sempre essa oleosidade chega até as pontas, principalmente no caso dos cachos. Por isso, a nutrição é outro tratamento para cabelos cacheados que você não deve abrir mão.

  1.  Assegure que sua nutrição está sendo feita com óleos e manteigas vegetais. O silicone, por exemplo, não é indicado como elemento para uma boa nutrição.
  2. Já tem cabelos oleosos? Nada de pular a nutrição! A aplicação de óleos e manteigas capilares também ajuda a regularizar a produção de sebo no couro cabeludo e a nutrir toda a extensão dos fios, então mesmo quem já tem cabelos oleosos deve fazê-la.

Umectação noturna

A umectação se encaixa na nutrição capilar, mas pode ser vista como um tratamento para cabelos cacheados independente. Ela consiste na aplicação direta de óleos vegetais puros nos cabelos com o objetivo de reequilibrar a oleosidade e manter os cabelos resistentes, brilhantes e macios.

Como fazer umectação noturna

A umectação noturna é feita aplicando-se o óleo vegetal à noite, sendo que os cabelos são lavados apenas pela manhã. Para melhores resultados, se liga nessas dicas:

  1. Depois de aplicar o óleo vegetal, aproveite para massagear o couro cabeludo gentilmente. Além de estimular a absorção dos nutrientes presentes no produto, a massagem capilar ainda auxilia no crescimento dos cabelos.
  2. Para fazer a umectação noturna, os cabelos devem sempre estar sujos. Nada de lavar as madeixar para umectá-las!

Reconstrução para cabelo cacheado

A reconstrução é a terceira etapa do cronograma capilar e visa repor a queratina nos fios, uma proteína fundamental para que os cabelos tenham força. Se você tem fios porosos, frágeis e elásticos, a reconstrução pode ser o tratamento para cabelos cacheados ideal para você. Aqui tem alguns segredinhos para um resultado melhor:

  1. A frequência das reconstruções deve ser determinada pelo cabeleireiro de acordo com o estado dos cabelos. Fios que não estejam danificados ou possuam danos leves devem ser reconstruídos a cada 2 ou 3 semanas.
  2. A queratina deve ser aplicada apenas com os cabelos úmidos e não encharcados. Se os fios estiverem muito molhados o produto pode escorrer e prejudicar o efeito.

Cauterização para cabelo cacheado

A cauterização é outro tratamento para cabelos cacheados que repõe queratina, mas o faz de uma forma um pouco diferente. Enquanto na reconstrução há o enxágue depois da aplicação do produto, na cauterização o cabelo é seco ainda com a queratina em sua superfície.
Apesar de ser finalizado com prancha, a cauterização não alisa os fios. As cacheadas e crespas podem se submeter ao tratamento sem medo! Veja nossas dicas:

  1. Para uma cauterização bem feita o ideal é procurar um profissional porque detalhes como a temperatura da prancha e a quantidade de queratina influenciam no resultado final.
  2. Não deixe de aplicar um protetor térmico antes de secar os cabelos e finalizá-los com a prancha. O protetor é fundamental para evitar que o calor não resseque ainda mais os cabelos.

Gostou de conhecer nossa lista de procedimentos para cuidar dos cachos? Tem algum outro tratamento para cabelos cacheados que você ama? Então nos conte nos comentários!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *